Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

filocriatiVIDAde | filosofia e criatividade

oficinas de perguntas, para crianças / para pais e filhos | formação para professores e educadores (CCPFC) | #filocri | #filopenpal

filocriatiVIDAde | filosofia e criatividade

oficinas de perguntas, para crianças / para pais e filhos | formação para professores e educadores (CCPFC) | #filocri | #filopenpal

ecos do 3º congresso internacional de filosofia

 

DmZg9_2XoAAqUHP.jpg

"o que viemos fazer aqui?" - perguntou o professor José Rosa, na conferência de abertura do Congresso. e, agora que já terminaram os trabalhos, estou em condições de responder: vim até à UBI, na Covilhã, para me deixar encantar pelo azul do céu e o ar da montanha e, sobretudo, para partilhar e colocar a filosofia em prática. 

 

41141855_2136939149658592_5072764604627550208_n.pn

 

o painel de filosofia aplicada

há uns meses recebi um e-mail do Pepe Barrientos-Rastrojo no sentido de propormos um painel de filosofia aplicada no 3º Congresso Internacional de Filosofia, organizado pela Sociedade Portuguesa de Filosofia.

desse painel também fizeram parte a Magda Costa Carvalho, a Maria Teresa Santos e a Dina Mendonça. falámos de filosofia, de filosofia aplicada, bem como de como são "velhas" as novas práticas filosóficas. a filosofia para/com crianças foi um dos pontos de ordem deste painel, onde apresentámos pontos de vista diferentes:

- o Pepe falou-nos de como é possível transformar a filosofia de Rorty em espaços de oficinas, onde crianças, jovens e adultos podem trabalhar e desenvolver as competências do pensamento crítico, criativo, colaborativo e cuidativo > "A criação privada do eu e a solidariedade pública com os outros na Filosofia para as Crianças. Uma aproximação à disciplina desde Richard Rorty";

- a Magda apresentou-nos uma reflexão sobre o papel da filosofia para crianças na revitalização da própria filosofia: "A Filosofia para Crianças con-quista a Filosofia";

- a Dina trouxe-nos uma comunicação em que abordou "A Filosofia para Crianças e o aprofundamento dos processos de aprendizagem – o diálogo filosófico e as capacidades argumentativas";

- a Teresa partilhou um trabalho de reflexão de Marta Naussbam sobre o trabalho de Lipman e o modo como o programa age sobre a vivência da democracia; a comunicação intitulava-se "Em defesa das humanidades e da democracia. O elogio de Martha Nussbaum a Matthew Lipman".

 

Kant e a prática da investigação filosófica

procurei apresentar uma reflexão pessoal em torno de Kant e do Kant que me chegou por via do Lipman. acabei por partilhar um pouco do processo de pensamento e de construção da comunicação, que conheceu avanços e recuos, mudanças justificadas e procura de fundamentos. afinal, o processo de investigação que a comunidade de investigação filosófica possibilita é algo que pratico na minha investigação individual, para a qual convoco as pessoas que me são próximas, como a Gabriela Castro e o Pepe Barrientos, com quem dialoguei via e-mail ou via messenger; além dos textos dos filósofos com os quais dialogo e construo (desconstruo) o meu pensamento.

 

DmelpAiX4AAaH6L.jpg

viagem ao passado e a homenagem, no presente, ao professor Artur Morão

voltar à Covilhã, oito anos depois da minha primeira visita, traduziu-se no (re)encontro com os professores José Rosa e António Amaral, que me acompanharam na licenciatura. houve ainda lugar, durante o congresso, para uma homenagem ao professor Artur Morão, cujas aulas não esqueço, cuja alegria de ser e de estar é contagiante. o motivo da homenagem: as inúmeras obras traduzidas pelo professor que nos permitem dialogar com tantos textos fundamentais da filosofia - e não só!

Dmf_NV_XsAYMqVF.jpg

 

filosofia fora e dentro da escola

o Alves Jana, do Clube de Filosofia de Abrantes, partilhou uma comunicação sobre os espaços de intervenção da filosofia, fora dos muros da escola: "a sociedade a que pertencemos precisa do contributo da filosofia, mesmo quando não sabe que precisa".

 

o João Teodósio falou-nos de experiências que aproximam a filosofia das vicências dos alunos e da realidade em que vivem - aprendizagem experiencial da disciplina de filosofia no ensino sedcundário. partilho convosco uma curiosidade: eu e o João Teodósio fizemos parte de um documentário realizado pelo Guilherme e pelo João, no Fundão, sobre filosofia: a sala 13. 

 

Leila Athaides partilhou um trabalho muito interessante sobre o impulso lúdico em Schiller e a sua aplicação em conteúdos de filosofia, no ensino médio. a Leila veio do Brasil, cruzou o oceano para nos brindar com uma apresentação cuidada e pertinente sobre um trabalho que, a meu ver, pode cruzar muito com as estruturas da filosofia para/com crianças. 

DmgRiEHXsAAsbmf.jpg

 

a minha primeira apresentação num encontro da Sociedade Portuguesa de Filosofia data de 2013 e consistiu numa oficina de filosofia pensada e criada com a Celeste Machado. foi com muita honra que voltei a participar num evento da SPF e em tão boa companhia!

*

ainda sobre a minha apresentação e o início onde resumi algumas das ideias do primeiro dia do Congresso:

Sinto que a filosofia para/com crianças e jovens é um “imperativo categórico”, nos tempos que correm.

Na linha da comunicação da professora Adela Cortina, encaro com seriedade o compromisso de empoderar as crianças e os jovens na defesa dos seus pontos de vista.

Um empoderamento que é [metafísico, ético e] cordial e implica o ser humano na sua inteireza, tal como defendeu Kant na terceira Crítica. O ser humano é inteligência, vontade e afectividade.

M. Luísa Ribeiro Ferreira falou-nos, a propósito do ensino da filosofia no ensino secundário, da necessidade dos alunos pensarem por si próprios. Sublinhou também o papel inquietante e des-instaladorda filosofia, perante os alunos e os professores.

Neves Vicente relatou uma experiência, com ênfase no papel do facilitador enquanto um orientador munido de ferramentas que permitem o trabalho filosófico, independentemente do conteúdo.

Maria João Couto lançou a questão da formação dos formadores da filosofia para crianças, algo que preocupa cada vez mais quem, como eu, está no terreno a desenvolver trabalho e investigação nesta área.

 

também partilhei algumas ideias no twitter, com as tags #3CIF e #socportfilos

 

agora é hora de escrever e preparar o artigo para publicação. 

 

 

 

3º Congresso Internacional de Filosofia - SPF

iii-congresso-filosofia-spf-2.jpg

 

a SPF - Sociedade Portuguesa de Filosofia organiza o 3º Congresso Internacional de Filosofia, nos dias 6 e 7 de Setembro. o evento é acolhido na UBI (Universidade da Beira Interior), na Covilhã.

 

irei marcar presença na companhia do Jose Barrientos-Rastrojo, da Magda Costa Carvalho e da Dina Mendonça, para partilharmos experiências e perspectivas sobre a filosofia para crianças.

 

podem visitar o site da SPF, caso tenham interesse em participar no congresso ou pedir informações através do e-mail spffilosofia@gmail.com 

 

 

 

do 11º Encontro Nacional de Professores de Filosofia

 
assim aconteceu nos passados dias 6 e 7 de Setembro, na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, com a presença de Simon Blackburn
 
o projecto filocriatiVIDAde teve a oportunidade de orientar a única sessão prática do evento, onde os presentes experimentaram um exercício que poderá ser usado em contexto de sala de aula e de  oficinas de pensamento crítico e criativo
 
 
deixámos alguns comentários pelas redes sociais -  twitter e facebook -  que podem ser lidos através da tag #11ENPF e dos quais destacamos os seguintes:
 
Cristina Janicas / CineSophia: trabalhar c os alunos a aprendizagem d conceitos, problematização e o desenv argumentos filosóficos
 
Joaquim Neves Vicente alertou p a ausência de investigação empírica sobre as praticas do ensino da e os seus resultados
 
Joaquim Neves Vicente: matrizes do pensamento filosófico: problematizar, conceptualizar e argumentar
 
Joaquim Neves Vicente alertou p a ausência de investigação empírica sobre as praticas do ensino da e os seus resultados
 
ensinar a filosofar é uma exigência ontológica e uma necessidade epistemológica / Francisco Lisboa
 
 

11.º Encontro Nacional de Professores de Filosofia

«O 11.º Encontro Nacional de Professores de Filosofia, organizado com a Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, com o apoio da Plátano Editora, decorrerá nos dias 6 e 7 de Setembro. Tendo como tema geral O Estatuto da Filosofia na Escola, o encontro realizar-se-á no Teatro Paulo Quintela, da FLUC. Simon Blackburn será o convidado internacional.»

 

 

O programa poderá ser consultado no novo site da Sociedade Portuguesa de Filosofia, AQUI.

Rodopiar (n)o pensamento: Filosofia para crianças e criatividade.

 

 

No próximo dia 7 de Setembro, Joana Rita Sousa e Celeste Machado estarão presentes  no 11º Encontro Nacional de Professores de Filosofia, promovido pela Sociedade Portuguesa de Filosofia (SPF). Pelas 16h30m irão coordenar a única sessão prática do evento, denominada Rodopiar (n)o pensamento: Filosofia para crianças e criatividade.

 

Joana Sousa é responsável pelo projecto filocriatiVIDAde, que surgiu em 2008 e tem organizado oficinas de pensamento crítico e criativo – para crianças e jovens – um pouco por todo o país. Celeste Machado é colaboradora do projecto e tem desenvolvido oficinas de filosofia para crianças no Colégio D. José I, em Aveiro.  Em conjunto, têm realizado acções de formação, para professores, educadores e pais. Em 2011 organizaram o I Encontro de Filosofia para Crianças e Criatividade Sentir Pensamentos | Pensar Sentidos, que contou com o apoio institucional do Institut de Pratiques Philosophiques.

 

O 11º Encontro é organizado pela SPF, em parceria com o Departamento de Filosofia, Comunicação e Informação da Faculdade de Letras da Universidade (FLUC), onde o evento tem lugar e tem início na sexta feira, dia 6 de Setembro.

 

Simon Blackburnm, da Universidade da Carolina do Norte, é o convidado internacional do evento, que irá abrir o segundo dia de trabalhos com a comunicação Philosophy, Science, and Human Nature.

 

O programa pode ser consultado, na íntegra, na página da SPF: http://spfilosofia.weebly.com/uploads/2/0/8/6/20867870/11_enpf_-_folheto-programa_spf_final.pdf

 

 

+ info sobre o Encontro através do e-mail spfil@spfil.pt

filocriatiVIDAde marca presença no 11º Encontro Nacional de Professores de Filosofia

 

 

No próximo dia 7 de Setembro, o projecto filocriatiVIDAde ruma até Coimbra para a realização de uma sessão prática denominada Rodopiar (n)o pensamento: Filosofia para crianças e criatividade. Esta sessão integra-se no 11º Encontro Nacional de Professores de Filosofia, organizado pela Sociedade Portuguesa de Filosofia.

 

Podem consultar o programa completo AQUI na Sebenta de Filosofia do colega Domingos Faria, que também irá participar no evento, apresentado uma comunicação intitulada Será que um mundo com mal é inconsistente com Deus?

 

Até já, Coimbra!

 

9.º ENCONTRO NACIONAL DE PROFESSORES DE FILOSOFIA

BRAGA - UNIVERSIDADE DO MINHO |CONVITE À PROPOSTA DE COMUNICAÇÕES E DE SESSÕES PRÁTICAS


A Sociedade Portuguesa de Filosofia, em parceria com o Departamento de Filosofia da Universidade do Minho e com o apoio do Centro de Estudos Humanísticos da mesma universidade, organiza este ano a 9.ª Edição dos Encontros Nacionais de Professores de Filosofia. O encontro deste ano realizar-se-á nos dias 9 e 10 de Setembro, em Braga, e contará com o Prof. Simon Blackburn (Oxford) como orador internacional.

Estão abertas as candidaturas para a apresentação de comunicações em língua portuguesa sobre qualquer tópico de filosofia ou didáctica da filosofia, incluindo ainda propostas de sessões práticas ou workshops nesses âmbitos. As comunicações não devem exceder os 30 minutos, de modo a reservar pelo menos 20 minutos à discussão. As sessões práticas poderão ocupar 50 minutos, desde que seja garantida a oportunidade para a participação do público.

Os candidatos deverão enviar para o endereço spfil@spfil.pt, até 30 de Abril, o título da sua comunicação/sessão prática e um resumo da mesma que não exceda as 500 palavras. Os resumos das propostas de comunicações devem indicar de forma clara a(s) ideia(s) a defender, e incluir um esboço do argumento proposto. Na rubrica “Assunto” da mensagem deverão inscrever “9ºENPF Proposta”. O resumo deverá ser anexo em formato Word ou Pdf e não deverá conter nenhuma referência que permita identificar o autor ou instituições a que este esteja ligado. O mesmo será apreciado sob anonimato, sendo aceites no máximo duas comunicações. A decisão do júri será comunicada aos autores por correio electrónico, até 4 de Maio.

Encontros Nacionais de Professores de Filosofia - convite à proposta de comunicações

A Sociedade Portuguesa de Filosofia, em parceria com a Escola Secundária Manuel Teixeira Gomes, organiza este ano a 8ª edição dos Encontros Nacionais de Professores de Filosofia, nos dia 10 e 11 de Setembro 2010, em Portimão. Neste âmbito, está aberto o prazo de candidaturas para a apresentação de comunicações em língua portuguesa sobre quaisquer tópicos considerados relevantes para o ensino da Filosofia. As comunicações não devem exceder os 30 minutos, de modo a reservar pelo menos 20 minutos à discussão.


Os candidatos deverão enviar para o endereço spfil@spfil.pt, até 30 de Abril de 2010, o título da sua comunicação e um resumo da mesma, que não exceda as 500 palavras e que inclua um esboço do argumento proposto. Na rubrica “Assunto” deverão inscrever “8ENPF RESUMO”. O resumo deverá ser anexado em formato Word ou pdf e não deverá conter nenhuma referência que permita identificar o autor ou instituições a que este esteja ligado. O resumo será apreciado sob anonimato, sendo aceites no máximo duas comunicações. A decisão do júri será comunicada aos autores por correio electrónico até 1 de Maio.

INFO aqui!

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

@ creative mornings lx

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2006
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D