Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

filocriatividade | filosofia e criatividade

oficinas de perguntas, para crianças / para pais e filhos | formação para professores e educadores (CCPFC) | #filocri | #filopenpal | #FilosofiaAoVivo

filocriatividade | filosofia e criatividade

oficinas de perguntas, para crianças / para pais e filhos | formação para professores e educadores (CCPFC) | #filocri | #filopenpal | #FilosofiaAoVivo

desafios filosóficos na caixa de correio electrónico de crianças, de jovens e de uma família

- e assim acontece o #filopenpal

96367359_3811990288871635_5675428814964916224_n.pn

um desafio para as famílias 

quando pensei nestes desafios, idealizei uma situação de "one-to-one": eu e outra pessoa. até que surgiu uma família de seis pessoas interessada em participar no #filopenpal, de forma colectiva. ora, pareceu-me uma excelente ideia. 

desta forma, o #filopenpal revela-se um espaço de diálogo e de partilha, entre pais e filhos, que devem depois chegar a um consenso para me dar resposta (ou dar perguntas!) ao desafio que eu envio (através de e-mail e google drive).

hoje seguiram os desafios: para a semana há troca de respostas e de perguntas. darei conta destas aventuras aqui pelo blog!

 

se pretender subscrever este serviço 100% online, pf envie-me um e-mail: joana@filosofiaparacriancas.pt 

 

 

 

 

filopenpal online

- a filosofia em sua casa!

o que é o filopenpal?
 
este é um desafio que consistia no "vai e vem" de cartas entre uma filósofa (eu) e uma criança (ou um jovem ou um adulto).
 
acontecia com o intuito de recuperar o encanto de receber uma carta, via CTT, em papel, com perguntas e interrogações que iam construindo um caminho de pensamento.
 
 

20347204_IoWLh.jpeg

resolvi reinventar o projecto, para suprimir algum desconforto que possa surgir quanto à recepção, em casa, de cartas (tendo em conta o contexto #covid19pt).

assim, mantemos o "vai e vem" da filosofia  e usamos o e-mail e a google drive para levar a filosofia a sua casa. 

 

a quem se destina? 
 
este projecto está pensado para crianças e jovens (as crianças e os jovens poderão precisar de apoio dos pais ou familiares para o acesso ao e-mail e google drive), mas também para os adultos que querem praticar o parar para pensar.
 
todos os desafios filosóficos #filopenpal são pensados "à medida" de quem quer participar. 
 
 
*
 
se quiser saber mais sobre o #filopenpal e as condições de susbcrição, contacte-me: joana@filosofiaparacriancas.pt 

filosofia nos 10.º e 11.º anos? yes, we can (do it online)

21584371_CEmOR.jpg

 

há quem lhe chame explicações, eu prefiro chamar-lhe tutoria. trata-se de um acompanhamento one-to-one onde o propósito é o de praticar o pensamento crítico e criativo, partindo e seguindo os conteúdos escolares.

para muitos, o primeiro contacto com a filosofia começa no 10.º ano - as tutorias servem para permitir que este encontro seja um verdadeiro diálogo, pleno de perguntas e com foco nos textos dos autores. 

e com isto nos preparamos, não só para a filosofia, mas também para as outras disciplinas. afinal, o pensamento crítico e o pensamento criativo são ferramentas úteis em tantas dimensões da nossa vida, presente e futura.

se procura apoio escolar na disciplina de filosofia, em formato online, contacte-me.

joana@filosofiaparacriancas.pt 

 

#FilosofiaAoVivo - ep. 2 - Hipácia de Alexandria

live no instagram e no twitter

hipatia-muerte.jpg

Hipácia (ou Hipátia) de Alexandria 

nascida em 370, Hipácia (ou Hipátia) foi uma mulher respeitada na comunidade da Academia, em Alexandria. filha de Téon de Alexandria, Hipácia desde cedo mostrou interesse pela astronomia, pela matemática, pela filosofia e pela medicina. 

Além de filósofa, Hypatia se dedicava a matemática e astronomia. Na realidade, tanto seu pai quanto ela própria são mais conhecidos por seus trabalhos na área matemática. Hesiodo assinala trabalhos dela nessa área, os quais não chegaram até nossos dias. Nas cartas de Sinesius é possível perceber que ele estudou com Hypatia tanto matemática quanto astronomia, além de filosofia. Através das cartas de Sinesius também constatamos que ela tinha facilidade em manusear instrumentos científicos como o astrolábio e o hidroscópio. Ademais, não sabemos muito mais sobre a atuação de Hypatia na área matemática. Haja vista os comentários de Theon a Ptolomeu e Euclides é provável que ela tenha aprendido com seu pai a geometria euclidiana. Através do Suda sabemos que Hypatia escreveu um trabalho sobre os cones de Apolônio e a aritmética de Diophantus. (Juliana Abreu)

 

a filosofia seria algo natural na sua vida, por questões familiares. era adepta da máxima "corpo são em mente sã". consta que terá frequentado a Academia Neoplatónica, em Atenas. 

terá sido assassinada por uma multidão de cristãos, em 415. Alexandria foi acusada por exacerbar um conflito entre duas figuras proeminentes de Alexandria: o governador Orestes e o bispo de Alexandria (Cirilo). Hipácia era um alvo a abater, por viver num momento de transição entre o paganismo e o cristianismo. 

a sua morte marca uma ruptura na vida intelectual de Alexandria. Hipácia era considerada uma solucionadora de problemas e os matemáticos recorriam frequentemente a Hipácia solicitando ajuda nas suas questões. 

"Obteve tais conhecimentos em literatura e ciência, que sobrepassou muito todos os filósofos de sua época. Explicava os princípios da filosofia aos ouvintes, muitos dos quais vinham de longe para receber sua instrução" (in BBC)

 

a vida na praça pública 

um dos seus alunos, Sinésio de Cirene, dá-nos conta que Hipácia era uma mulher que assumia um papel activo no espaço público da cidade. talvez por isso tenha sido considerada um alvo a abater por parte dos cristãos que pretenderiam atingir Orestes, o governador da cidade, com quem Hipácia teria relações de, arriscamos a dizer, consultora ou conselheira.

 

o papel das mulheres na antiguidade: o problema das fontes 

a questão das fontes é fundamental quando pretendemos apurar o papel das mulheres na vida académica ou intelectual, no período do antiguidade. muitas vezes o que nos chega são relatos de alguém que falava da figura X ou Y, da mulher X ou Y e não os textos ou o discurso "directo" dessas figuras. no estudo de filósofas como Hipácia, há, por vezes, discursos que se contradizem e que nos levam a duvidar do que dizem os autores. vamos encontrando várias peças de um puzzle que dificilmente ficará completo. 

de Hipácia não nos chegaram obras. sabemos que trabalhou em colaboração com o seu pai Téon nalgumas obras. 

a edição da obra Almagesto, do astrónomo e geógrafo Ptolomeu, é da responsabilidade de Hipácia, a jovem casta e celibatária que aparece no último episódio da última temporada da série The Good Place. já que falo nesta série, fica aqui a minha recomendação para que a vejam, ali mesmo na netflix. 

lisa-kudrow-no-centro-com-kristen-bell-e-william-j

no livro Filósofas - A presença das mulheres na Filosofia, Hipácia é uma das mulheres a quem é dedicado um capítulo. 

 

Ainda que Hypatia tenha sido, como os relatos e as fontes sobre ela revelam, uma brilhante matemática, filósofa e astrônoma – e é desta maneira que deveríamos nos referir a Hypatia –, foi uma morte trágica e talvez em vão que imortalizou seu nome, o que não nos autoriza a criar e inventar uma Hypatia que não existiu e afirmar que essa criação tenha existido. (Juliana Abreu) 

 

sugestões de leitura:

- Hipácia de Alexandria, Enciclopédia Logos

- BBC

- Ancient History Enciclopedia 

- Filósofas - A presença das mulheres na Filosofia

o audio deste episódio está disponível no twitter, basta clicar AQUI. e não é preciso ter conta no twitter para ouvir! 
 

 

o Café Filosófico, em sua casa

94020421_10156672085756548_4187862038682271744_o.j

Será que o distanciamento social nos aproxima?


Os nossos CAFÉS FILOSÓFICOS estão de regresso - mas agora ONLINE.
O próximo realiza-se já no próximo dia 27 de abril, das 18:30h às 20:00h, através da plataforma Zoom.
Vamos levar a filosofia para junto das pessoas que estão em casa.

Tudo começa com uma pergunta, seguida de uma proposta de exercício de pensamento crítico.
É natural que, ao princípio, os participantes sintam algum desconforto, tal como acontece no primeiro dia do ginásio; só que aqui são os músculos do pensamento que vão sentir-se incomodados. Só com a persistência e a insistência será possível superar este desconforto, focando no objectivo final: um pensamento flexível, resistente, adaptável, capaz de traduzir ideias em palavras, de defender uma posição e/ou de mudar de ideias.

 

Para pessoas que, independentemente dos seus conhecimentos no âmbito da filosofia, aceitam o desafio para praticar o parar para pensar.

Com Joana Rita Sousa, filósofa // Filocriatividade - Filosofia e Criatividade
________
Valor de inscrição: 5,00€
Inscrições: bit.ly/cafés-filosóficos

o diário das perguntas

- uma pergunta por dia e acontece filosofia!

um desafio: diário de perguntas

um dos exercícios que proponho várias vezes aos meus alunos, mais miúdos ou mais graúdos, é ter um diário de perguntas.

pode ser um caderno ou um bloco de folhas. não é importante o formato, o importante é o hábito de perguntar e de as escrevermos, para não nos esquecermos delas. 

aceitam o desafio?

a ideia é que o nosso diário de perguntas vá crescendo, pergunta a pergunta.

depois, uma vez por semana, escolhemos uma pergunta para investigar, em conjunto com a família. podem investigar perguntando a outras pessoas, perguntando ao senhor google, consultando livros que tenham aí em casa. 

se quiserem partilhar ideias e investigações podem usar o e-mail joana@filosofiaparacriancas.pt e posso pensar convosco! 

 

uma pergunta por dia

a partir de hoje vou partilhar aqui, no instagram e no twitter uma pergunta para vos provocar o parar para pensar. o ritmo de partilha será semanal, mas o desafio aí para casa passa mesmo por fazer uma pergunta por dia.

as perguntas que vou partilhar fazem parte do meu diário de perguntas. é comum levar essas perguntas comigo para as oficinas de filosofia, para crianças e jovens e para os cafés filosóficos.

podemos conversar sobre estas perguntas ali em baixo na caixa dos comentários. vamos a isso?

 

1.png

 

 

agenda #filocri - em agosto

radio_miudos.jpg

 

durante o mês de agosto continuamos a filosofar

 

podem ouvir o programa "filosofia é coisa para miúdos",  na rádio miúdos, onde também estão disponíveis outros programas.

 

Screenshot 2019-06-10 13.21.47.png

 

café filosófico na livraria bertrand

 

no dia 26 de agosto voltamos à livraria mais antiga do mundo, a bertrand do chiado, para mais um café filosófico. começa às 18h30 e termina às 20h e a pergunta que vai orientar o nosso diálogo é: podemos amar a Sophia? 

para participar no café filosófico terá de fazer uma inscrição via e-mail ou no local, uns minutos antes de começarmos. encontra toda a informação no site da bertrand

 

18739649_ZPhl3.jpg

 

cartas com filosofia

 

se preferir pode filosofar em casa, no trabalho ou na praia: o filopenpal anda por aí, na mala dos carteiros, para chegar a quem quer filosofar e parar para pensar, através de jogos e desafios filosóficos. a quem se destina? a miúdos e a graúdos: não há limite de idade. envie um e-mail para info@joanarita.eu para saber mais sobre o filopenpal.

 

também andamos pelo facebook e pelo instagram - já nos segue por lá? 

continuamos a dedicar o mês de Novembro...

...à celebração do dia mundial da filosofia! 

 

oficinas de perguntas.jpg

 

 

"This year’s World Philosophy Day will be celebrated on 17 November 2016, with special events taking place from 16 to 18 November at UNESCO Headquarters in Paris.

Organized by UNESCO’s Management of Social Transformations (MOST) Programme, World Philosophy Day is a collaborative initiative towards building inclusive societies, tolerance and peace.

This year’s programme falls in line with the International Day for Tolerance celebrated on 16 November 2016. In this context, events for World Philosophy Day will highlight the need for new philosophy practices in today’s world, encourage dialogue on the connections with tolerance and explore new ways to increase accessibility of philosophical teaching and learning.

Key events throughout the 3-day celebration include:
• 15th International Encounters on New Philosophical Practices (16-17 November)
• Roundtable on Tolerance (17 November)
• Launch of the UNESCO Chair on the Practice of Philosophy with Children (18 November)
• Roundtable on Teaching Aristotle (18 November)
• A Night of Philosophy (18-19 November)

In establishing World Philosophy Day in 2005, UNESCO’s General Conference highlighted the importance of this discipline, especially for young people, underlining that “philosophy is a discipline that encourages critical and independent thought and is capable of working towards a better understanding of the world and promoting tolerance and peace”. 

By celebrating World Philosophy Day each year, on the third Thursday of November, UNESCO underlines the enduring value of philosophy for the development of human thought, for each culture and for each individual."

 

fonte: UNESCO 

 

Mais sobre mim

O que faço?

Filosofia é coisa para miúdos

Fórum na Revista Dois Pontos

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D