Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

filocriatiVIDAde | filosofia e criatividade

oficinas de perguntas, para crianças / para pais e filhos | formação para professores e educadores (CCPFC) | #filocri | #filopenpal

filocriatiVIDAde | filosofia e criatividade

oficinas de perguntas, para crianças / para pais e filhos | formação para professores e educadores (CCPFC) | #filocri | #filopenpal

"procurar numa escola algum professor que ainda não tenha morrido" | José Pacheco

tumblr_omytzloFT51qhzqx6o1_500.jpg

 

tumblr_omyu1uEe5e1qhzqx6o1_500.jpg

 

tumblr_omyu2miHfB1qhzqx6o1_500.jpg

 

tumblr_omyu3nZhch1qhzqx6o1_500.jpg

 

tumblr_omyu18MytG1qhzqx6o1_500.jpg

 

tumblr_omyu61XpOr1qhzqx6o1_500.jpg

há muito que oiço falar do professor José Pacheco e da Escola da Ponte.

ontem foi o dia de ir até ao ISCTE, ouvir o professor. e que grande contador de histórias! grande, pelo facto de contar histórias na primeira pessoa, histórias daquelas vividas e experienciadas. 

quem me conhece sabe como aprecio exemplos e histórias. agora que penso, os professores que me marcaram, todos eles, eram contadores de histórias, de uma forma ou de outra. e sabiam usar o humor. e o amor, pelos alunos, pela aprendizagem. pelo aprender, um caminho de duas vias, entre "aluno" e "professor". coloco aspas, pois as palavras do professor José Pacheco fizeram-me pensar nisso a que chamamos aluno e professor. quem ensina quem. quem aprende com quem.

encontrei na pessoa do professor a confirmação de algumas coisas que são a minha prática, no âmbito da filosofia para crianças e jovens: a questão da relação e do vínculo, como eixos fundamentais para que seja possível aprender.

partilho convosco os meus apontamentos. estou, ainda, a pensar muito sobre aquilo que ouvi. sobre a necessidade de mudança que o professor sentiu há 40 anos e o fez construir pontes entre pais, crianças, professores e comunidade, na escola da Ponte. que o conduziu ao Brasil e fez nascer o projecto Âncora. e faz com que a EcoHabitare seja uma realidade.

como é possível que tudo aquilo que o professor diz seja tão antigo, novo, óbvio, necessário e indesejado - tudo ao mesmo tempo? 

como é que é possível que a escola seja tantas vezes - vezes demais - aquilo que não devia ser? 

há que procurar nas escolas os professores que ainda não tenham morrido. e nas famílias, os pais que ainda não tenham desistido. todos juntos podemos pensar e agir a mudança.

 

José Pacheco é uma pessoa e pêras. daquelas que podem dizer c*$&#") e citar decretos lei, assim no espaço de 15 minutos - e ninguém leva a mal. 

 

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

@ creative mornings lx

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D