Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

filocriatividade | filosofia e criatividade

oficinas de perguntas, para crianças / para pais e filhos | formação para professores e educadores (CCPFC) | #filocri | #filopenpal | #FilosofiaAoVivo

filocriatividade | filosofia e criatividade

oficinas de perguntas, para crianças / para pais e filhos | formação para professores e educadores (CCPFC) | #filocri | #filopenpal | #FilosofiaAoVivo

o que sente a Ângela ao dançar uma música que só ela ouve?

- parar para ouvir (?) e pensar

a música portuguesa a gostar dela própria

o Tiago Pereira é responsável por um trabalho incansável de registo da música portuguesa, por esse país fora.

tive a oportunidade de conversar com o Tiago em vários momentos, todos eles com carimbo GERADOR e fiquei rendida ao seu projecto.

há dias encontrei este vídeo no mural de facebook do Miguel Bica. confesso que viajei para lá do projecto do Tiago, pois reconheci neste vídeo um potencial de diálogo filosófico. passo a explicar. 

 

entre o "estás a ouvir bem?" e o "estás a ver-me bem?"

nos últimos meses as frases mais repetidas foram "estão a ouvir?" ou o "não sei se estão a ver o meu écran". conduzidos para o zoom, google meet ou outras plataformas semelhantes, a visão e a audição tornaram-se o nosso foco de acesso aos outros, aos conteúdos partilhados e por aí fora. 

foi também durante estes meses que fui confrontada com algo novo para mim: ter uma pessoa cega em sala virtual, a participar numa formação. dei por mim a pensar duas vezes no vocabulário partilhado, a ter muito cuidado em ler aquilo que escrevia ou que partilhava, para que todos pudessem ter acesso. 

este tweet também me chamou a atenção para a necessidade de ir além da nossa bolha e da nossa forma de aceder ao mundo: 

tweet de um professor em resposta a outro. se clicar na imagem irá aceder ao tweet e poderá ser lido pelo seu programa.

 

voltemos ao vídeo da "Ângela dança com auscultadores" 

a minha proposta é fazer uma experiência de pensamento, em ambiente de oficina de filosofia, para pensar na importância dos sentidos no acesso ao mundo.

a clássica pergunta: como é que conhecemos o mundo?

e outras perguntas:

que papel tem a experiência no acesso ao mundo?

que papel têm os sentidos no acesso ao mundo?

podemos dançar sem sequer estar a ouvir música?

como dança alguém que não tem capacidade para ouvir?

a música é algo exclusivo do ouvir? 

porque é que a música é tão importante para nós?

seria possível viver sem música? 

como seria o mundo se não existisse música? 

o que sente a Ângela ao dançar uma música que só ela ouve?

 

- estas são algumas perguntas que este vídeo me provoca. se tiver outras sugestões de perguntas, pf partilhe nos comentários. 

 

 

Mais sobre mim

O que faço?

Filosofia é coisa para miúdos

Fórum na Revista Dois Pontos

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D