Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

filocriatividade | filosofia e criatividade

oficinas de filosofia e de criatividade, para crianças, jovens e adultos / formação para professores e educadores (CCPFC) / mediação da leitura e do diálogo / cafés filosóficos / #filocri

oficinas de filosofia e de criatividade, para crianças, jovens e adultos / formação para professores e educadores (CCPFC) / mediação da leitura e do diálogo / cafés filosóficos / #filocri

20 de Maio, 2024

Gato Comum, de Joana Estrela

joana rita sousa

WhatsApp Image 2024-05-20 at 13.56.49.jpeg

Gato Comum faz parte da colecção Dois Passos e Um Salto da Planeta Tangerina, pensada para adolescentes e "outros leitores mais crescidos".

Trata-se de uma das minhas colecções preferidas de sempre e cujos livros me têm acompanhado em vários Clubes ou Comunidades de Leitura.

Joana Estrela é a autora deste livro que nos fala do Manel, o gato da família que vai adoecer e exigir da família uma decisão difícil.

Quem já teve animais domésticos, cão ou gato, certamente já passou pela decisão difícil de eutanasiar ou não um animal em sofrimento. Nesses momentos somos confrontadas com a ideia que temos de qualidade de vida e com a ideia que temos de sofrimento, bem como com aspectos práticos relacionados com o processo da eutanásia em si.

É mais fácil ou mais difícil quando o gato é jovem? Como acontece a eutanásia? O gato sofre? O que fazemos com o corpo do animal? Devo estar presente nesse momento ou sair do gabinete da veterinária?

São várias as perguntas que surgem quando a veterinária nos diz que não há nada a fazer ou que já esgotámos as opções medicamentosas sem sucesso. Somos confrontadas com a morte e acresce que somos convidadas a decidir entre a vida e a morte. 

O Manel tem a mesma idade da narradora da história, a Cristina. Aos 17 anos, Manel é já um gato idoso; já Cristina encontra-se na flor da idade. É uma adolescente que viveu sempre no mesmo quarto e que se vê confrontada com o desacordo dos pais face à decisão de eutanasiar o Manel. 

Gato Comum faz parte dos meus livros que permitem o diálogo sobre o tema do luto e o tema da morte, além do tema da eutanásia.

Falar da morte é falar da vida. 

*

Foram várias as perguntas que este livro me perguntou

- Como se prepara alguém para a morte?

- A morte é uma solução?

- A morte é um problema?

- Com que idade estamos prontos para morrer?

- Com que idade estamos prontos para viver?

- O sofrimento é necessário?

- Celebrar a morte é celebrar a vida?

 

Gato Comum, de Joana Estrela tem o "carimbo" dos #LivrosPerguntadores.