Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

filocriatividade | filosofia e criatividade

oficinas de filosofia e de criatividade, para crianças, jovens e adultos / formação para professores e educadores (CCPFC) / cafés filosóficos / educação / filosofia da educação / #filocri

filocriatividade | filosofia e criatividade

oficinas de filosofia e de criatividade, para crianças, jovens e adultos / formação para professores e educadores (CCPFC) / cafés filosóficos / educação / filosofia da educação / #filocri

como ver coisas invisíveis

- um livro para pensar e exercitar a imaginação e a criatividade

joana rita sousa, 29.10.21

confesso que esta publicação não é de todo isenta: já há muito que sou fã da Dina Mendonça, da Isabel Minhós Martins, da Madalena Matoso e da Planeta Tangerina. só por isso e sem ter o livro nas mãos eu iria recomendar, na hora, a sua leitura. 

uma vez com o livro nas mãos só posso reforçar a minha recomendação de leitura a crianças e jovens, às famílias, às pessoas educadoras e professoras.  

 

o convite, a utilidade, o trampolim 

como ver coisas invisíveis estende-nos um convite para mergulhar nos mundos da imaginação e da criatividade, partilhando o que algumas pessoas pensaram sobre esses temas e sugerindo exercícios para podermos imaginar e criar.  

o livro é útil para alguém que pretende trabalhar o processo criativo (esteja ou não ligado à educação) e também para quem procura actividades de prática de "ver coisas invisíveis" em casa ou na escola. 

pode funcionar como uma espécie de manual e de trampolim, ao mesmo tempo: há várias sugestões de actividades que podemos colocar em prática (manual) e essas mesmas sugestões, assim como as ilustrações e todo o objecto livro em si são fonte de inspiração para criar outras actividades e pensar em provocações filosóficas (trampolim)

outro elemento que aprecio no livro é a partilha que Isabel e Madalena fazem do próprio processo de criação do livro (pp. 234-240). desta forma a as autoras convidam-nos a mergulhar no seu próprio processo criativo que inclui altos e baixos, certezas e dúvidas, ignorância e conhecimento. 

 

uma frase [provocadora]

assim que comprei o livro naõ resisti a devorá-lo: fiz uma leitura panorâmica, vi o índice,  cheirei as páginas e contemplei as ilustrações. num segundo momento, fiz uma leitura lenta, capítulo a capítulo. já tenho algumas dobras no canto da página e já sublinhei algumas palavras. há muitas frases provocadoras e perguntadoras. decidi escolher esta para partilhar consigo, aqui no blog:

"No dedo mindinho também existe pensamento." (p. 92)

 

*

a mais recente obra de Isabel Minhós Martins e Madalena Matoso conta com uma equipa de consultores da qual faz parte, além da já mencionada Dina Mendonça, Paulo Pires do Vale e Patrícia Correia. 

 

como ver coisas invisíveis está disponível na Planeta Tangerina

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.