Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

filocriatividade | filosofia e criatividade

oficinas de perguntas, para crianças / para pais e filhos | formação para professores e educadores (CCPFC) | #filocri | #filopenpal | #FilosofiaAoVivo

filocriatividade | filosofia e criatividade

oficinas de perguntas, para crianças / para pais e filhos | formação para professores e educadores (CCPFC) | #filocri | #filopenpal | #FilosofiaAoVivo

a filosofia voltou ao ginásio

«o que é isto?» - foi a pergunta lançada a pais e filhos. pedi aos pais que não dessem muitas respostas e procurassem registar todas as ideias que os grupos iam lançando para "o ar".

 

consultados os grupos, ficamos "presos" com a ideia de que ali poderia estar representado um "buraco sem fim". e isso é exactamente o quê? alguém conhece? alguém já esteve num buraco sem fim?
"não, mas podemos imaginar como é" - e ímaginamos o que poderia haver num buraco sem fim: ruínas, espécies que ainda não conhecemos, coisas dos antepassados, teias de aranha, bichos... e alguém exclama: "mas se cairmos num buraco sem fim, não podemos regressar  e não vamos poder contar a ninguém o que lá se passa."
alguém teve a ideia de descer o buraco sem fim, com a ajuda de uma corda, presa a uma árvore, cá fora. "e que medida teria essa corda? se a corda acabar?"
começaram os "encolher de ombros".

 

os três grupos de trabalho (o grande grupo foi dividido em grupos mais pequenos, coordenados pelos pais presentes na oficina) referiram que aquilo que viam na folha poderia ser
- o princípio de tudo
- o princípio de qualquer coisa
isso significa a mesma coisa? ou coisas diferentes? "o princípio de tudo é o que acontece primeiro; não há nada e isso aparece. o princípio de qualquer coisa acontece depois..."

 

a conversa foi animada, com mudanças de ideias, defesas de argumentos e pensamentos à solta.
obrigada aos instrutores Alexandre e Sara pelo apoio nesta actividade e pela forma como acolhem este projecto, desde 2008 - e um MUITO OBRIGADA também aos pais, pela presença e participação
até já!

 

Mais sobre mim

O que faço?

Filosofia é coisa para miúdos

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D