Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

filocriatividade | filosofia e criatividade

oficinas de perguntas, para crianças / para pais e filhos | formação para professores e educadores (CCPFC) | #filocri | #filopenpal | #FilosofiaAoVivo

filocriatividade | filosofia e criatividade

oficinas de perguntas, para crianças / para pais e filhos | formação para professores e educadores (CCPFC) | #filocri | #filopenpal | #FilosofiaAoVivo

«Não posso evitar...» & Outliers

Gosto da forma como a rede proporciona encontros de ideias. Há dias recebi um e-mail do Rodolfo Araújo, que terá tropeçado neste meu espaço a propósito da referência ao livro Outliers. Livro esse sobre o qual Rodolfo escreveu no seu blog pessoal:

«Logo após a Primeira Guerra Mundial, o psicólogo americano Lewis Terman iniciou um dos maiores estudos sobre a inteligência humana de que se tem notícia. No início da década de 1920 ele garimpou as escolas da Califórnia avaliando mais de 250.000 crianças, buscando aquelas que se destacavam nos testes de inteligência. As melhores 1.470 (um site da Universidade da Carolina do Norte fala em 1.528) foram selecionadas, formando um exclusivíssimo grupo onde a média de QI era superior a 135 e chegava, em alguns casos, a 200. O grupo foi logo apelidado de Termites.
A partir de então, Terman passou a acompanhar de perto os detalhes das vidas de cada um de seus prodígios, desde suas realizações acadêmicas até relacionamentos e casamentos, passando por doenças, sanidade mental até empregos e promoções. Tudo era registrado em grossos volumes intitulados Estudo Genético dos Gênios.

Pois foi exatamente esse rigor metodológico que permimtiu que Terman percebesse o erro que havia cometido, ao atribuir o sucesso das pessoas exclusivamente aos seus Quocientes de Inteligência. Ao atingir a vida adulta, alguns dos Termites tinham empregos públicos, dois eram juízes de cortes superiores e um era juiz municipal. Poucos eram figuras de renome nacional. Recebiam bons salários, mas não tãããão bons assim. Alguns tinham subempregos. Outros viviam do seguro-desemprego.
Nenhum deles ganhou um prêmio Nobel, mas dois dos que foram excluídos do grupo nos testes preliminares por não terem QIs tão altos ganharam: William Shockley e Luis Alvarez. De maneira melancólica, mas bastante auto-crítica, Termite concluiu que muita inteligência e grandes realizações não andam, necessariamente, de mãos dadas†. O que não fechava na equação de Terman? O que faltava para provar a superioridade daquele 0,6% de crianças super-dotadas?»

Leia este e outros artigos AQUI.

Mais sobre mim

O que faço?

Filosofia é coisa para miúdos

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D