Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

filocriatiVIDAde | filosofia e criatividade

oficinas de perguntas, para crianças / para pais e filhos | formação para professores e educadores (CCPFC) | #filocri | #filopenpal

filocriatiVIDAde | filosofia e criatividade

oficinas de perguntas, para crianças / para pais e filhos | formação para professores e educadores (CCPFC) | #filocri | #filopenpal

Morte lenta da Filosofia


A Filosofia tem vindo a ser eliminada aos poucos do percurso escolar: primeiro deixou de ser obrigatória do 12º ano e agora qual não é o nosso espanto quanto deixa de ser exigida como disciplina específica no acesso a qualquer curso do ensino superior. Inclusivamente o de Filosofia.
Duvido muito que haja alunos a escolherem Filosofia no 12º ano, anunciando-se assim a extinção definitiva desta disciplina no último ano do secundário.

«Assim se apaga lentamente, sem barulho, uma disciplina. E com ela reduzir-se-á o número de professores, e poupar-se-iam mais uns milhões no orçamento da Educação. A questão é saber se a minimização progressiva do ensino da Filosofia (...) ajuda ou não o processo de modernização da sociedade portuguesa.» - eis a reflexão do Professor José Gil, na revista Visão nº 710 (p. 186).

A filosofia não serve para nada, sendo sempre catalogada como a ciência do ócio, à qual se dedicam aqueles que nada têm para fazer. E por isso a sociedade vai prescindindo da filosofia na educação dos seus cidadãos, que hão-de crescer e passar o seu tempo muito ocupados, com muitas coisas, sem nunca conhecer um momento de reflexão. Reflectir para quê? A sociedade encarrega-se de dar as respostas, de apresentar valores e ideiais.

«(...) sabe-se que o ensino da Filosofia para crianças abre extraordinariamente as competências dos alunos na aprendizagem das outras disciplinas. E, porque é inútil, a Filosofia alarga o conhecimento, estabelece pontes novas entre domínios científicos diferentes, proporcionando a criação de novos objectos e disciplinas.», afirma José Gil, no artigo atrás mencionado.

Curioso como em simultâneo constatamos a existência de um movimento de apagamento da filosofia (utilizando a expressão de José Gil), e de um movimento de renascimento da mesma, através da implementação da Filosofia para crianças nas escolas, do surgimento dos consultores filosóficos e de actividades relacionadas com as novas práticas filosóficas.

Encontros Culturais Terraço

28 de Outubro, 6ª feira, às 21h00
PENSAR E AGIR A CIDADANIA: REDACÇÃO DE UMA CARTA ABERTA À NOVA ASSEMBLEIA MUNICIPAL
– debate e proposta de documento –

17 de Novembro, 5ª Feira, às 21h00
OS PORTUGUESES HOJE PERANTE SI MESMOS
José Gil
(Prof. Filosofia UNL. Autor de Portugal Hoje: O Medo de Existir)

15 de Dezembro, 5ª feira, às 21h00
ALTERIDADE DE DEUS: PROXIMIDADE E DISTÂNCIA
Carlos Silva
(Prof. Filosofia U Católica Portuguesa, Lisboa)

Vinho Filosófico


Tema: «Depressão, Filosofia e Felicidade»
09 de Novembro de 2006
Local: Espaço Giga, na cidade de Beja (junto ao Hospital Veterinário)
Horário: das 19h30 às 23h30 (inclui Jantar e Debate)
Para mais informações: apaef@mail.pt
Informações: Leonor Viegas (963528034)
Reservas: Gerente Rui Teixeira (965559661)

Minding International


Minding International is a professional training organization dedicated to promoting thinking and management methods. These methods are promoted internationally.
It is Minding’s mission to make a difference to people’s thinking – to maximise their potential individually and in a team.
Minding International currently has various courses that are designed to empower people by adding strength to their natural thinking and management abilities. By improving innovation, creativity, meetings, quality of meetings, decisions and teamwork, a company can greatly increase productivity.

Certificação em Edward de Bono

Informações em www.mind-ing.com

Pág. 2/2

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

@ creative mornings lx

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D