Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

filocriatiVIDAde | filosofia e criatividade

oficinas de perguntas, para crianças / para pais e filhos | formação para professores e educadores (CCPFC) | #filocri | #filopenpal

filocriatiVIDAde | filosofia e criatividade

oficinas de perguntas, para crianças / para pais e filhos | formação para professores e educadores (CCPFC) | #filocri | #filopenpal

Café Filosófico com Joana Rita Sousa, na Inauguração da República das Artes dia 13 de Março.

12512462_10207555147094993_3161888652591056993_n.j


Neste nosso conceito da República das Artes, que é também um local onde o pensamento e a reflexão são valorizados, faz todo o sentido e é com imenso prazer que acolhemos o projeto da Joana. 
Saber Viver para Viver Melhor é o tema deste 1º evento, estará sempre presente ao longo da nossa existência, é fundamental pensar, ver e questionar os dias de hoje, num ambiente de amigos, com a intenção de nos fazer sentir mais vivos!

Quem é a Joana Rita Sousa?
Filósofa. Não recusa café, muito menos dois dedos de conversa.
O Café Filosófico é uma pausa para praticar o "parar para pensar". Não são necessários conhecimentos em filosofia, apenas vontade em discutir ideias e em partilhar a nossa forma de ver o mundo.

 

Reservas necessárias!
Até dia 6 de Março: republicadasartes2016@gmail.com / 913 184 401

a verdade é que...

...num mesmo grupo, numa mesma turma, há muitas atitudes diferentes para com a filosofia que acontece em sala.

hoje um dos meninos colocou como hipótese, para o facto de haver colegas a fazer TPC de outras disciplinas, o facto de não terem muito interesse nas aulas. 

ao mesmo tempo, dois compinchas boicotavam a aula com comportamento perturbador.

já o R., que sempre disse que não achava muita piada às aulas de filosofia, ficou com o papel de observador. e esteve a participar com muito afinco. e no final, veio dizer-me:

 

"sabes, joana, hoje gostei muito de trabalhar contigo"

 

tumblr_o32kinb1tU1qhzqx6o1_500.jpg

 

quando me pedirem uma carta de recomendação ou...

...quando me perguntarem o que faço, vou lembrar-me deste dia, em que entrei na escola, cumprimentei o I. com um abraço e um beijinho. e depois o I. resolve apresentar-me à amiga que estava com ele:

 

- esta é a joana, a professora de filosofia. se quiseres, ela pode ajudar a esclarecer as tuas ideias.

 

 

tumblr_o2z4psUUcS1qhzqx6o1_500.jpg

 

tumblr_o2z4rmCPnh1qhzqx6o1_500.jpg

 

continuamos a caminhada filosófica

2016-02-19 17.30.24-1.jpg

 

experimentamos e afinamos estratégias: somos todos diferentes e nem sempre é fácil lidar com a diferença, em sala de aula (e na vida de todos os dias...) 

 

e de repente, lembrei-me daquilo que um dia disse ao microfone, quando o Rui Branco me entrevistou para o Falar Criativo:

 

"A história que contou de um limoeiro, reflecte por muito que queiramos ter limões quando achamos que os devemos ter, o limoeiro é que sabe quando está pronto para dar limões.

 

Nós na nossa vida, ( eu sou exemplo disso ) queremos logo que as situações se resolvam, que a decisão seja rápida, que o emprego ideal surja, que os nossos filhos entendam as coisas à mesma velocidade que os seus colegas (ou até à nossa velocidade), não damos tempo e comparamos de formas por vezes assustadoras."

 

in http://falarcriativo.com/episodio-74-joana-rita-sousa/

café filosófico na República das Artes - Lisboa

12745683_821721144616712_6061208222921660227_n.png

Quem é a Joana Rita Sousa?
Filósofa. Não recusa café, muito menos dois dedos de conversa. 

O Café Filosófico é uma pausa para praticar o "parar para pensar". Não são necessários conhecimentos em filosofia, apenas vontade em discutir ideias e em partilhar a nossa forma de ver o mundo.

 

NOTA: adiado para o dia 13 de Março - mais informações em breve 

 

informações - republicadasartes2016@gmail.com

e eis que uma proposta de novas regras...

tumblr_o2ehhr4gl11qhzqx6o1_500.jpg

 ...chega à sala. já lhes tinha falado destas novas regras, muito por alto.

 

hoje foi o dia de experimentar. 

perguntei se alguém se lembrava do que já tínhamos falado e completei aquilo que disseram. pedi se alguém podia repetir as regras, de forma a garantir que as mesmas tinham sido compreendidas. e eis que surgiram dúvidas, perguntas e no meio disso tudo, o R., diz:

 

- temos que ter calma. hoje é o primeiro dia que vamos experimentar, não tem que sair logo perfeito.

 

pois não, querido R., pois não. e já vimos algumas coisas que temos que mudar. é muito bom aprender convosco e ver que a comunidade de investigação começa a acontecer.

 

e, pelo meio, continuamos o nosso exercício de pensamento crítico. 

 

 

e tu? o que é que TU achas?

2016-02-01 17.06.18-1.jpg

 

frequentemente, os alunos são chamados a dizer o que acham das aulas de filosofia. eis mais uma mão cheia de pareceres devidamente fundamentados - sim, o porquê é-lhes pedido! 

 

Gostei de...

estar presente, por que eu gosto da filosofia

muita coisa, gostei de todas as aulas, por que as aulas são muito "aprendizeis" e giras de fazer

ter tempo livre, por que podíamos fazer o que queríamos

falar e ver o vídeo sobre as regras

ter tempo livre e de falar sobre o Aristóteles 

aprender palavras, por que assim falo melhor

desenhar a ouvir as pessoas, por que é muito mais divertido 

conversar e discutir sobre coisas. foi giro estarmos todos a conversar

do Aristóteles, por que nunca tinha ouvido esse nome, que é de um filósofo

 

Não gostei de...

ver a professora zangada, por que assim ela fica triste

nos portarmos mal, por que a professora fica mal

de ter tempo livre, por que não quero ter tempo livre, quero aprender mais filosofia

quando houve confusão nas aulas e falámos todos ao mesmo tempo, assim perdemos a aula

 

Aprendi que...

o exercício do pensamento é giro, por que é bonito aprender

a fazer o símbolo da filosofia, por que a professora ensinou-me

o Aristóteles tem um filho

há perguntas proibidas, pessoais e do mundo

o bem e o mal, perguntas pessoais, perguntas impessoais, Aristóteles, ação e atitude, Hospital das Bonecas, objetos e coisas, regras, concordar e não concordar - as coisas que aprendi vão de certeza ajudar-me quando for grande

 

Sinto que...

a filosofia é fixe, gostei muito do que fizemos

estou seguro, por que eu aprendo e às vezes faço os trabalhos para pensar

a filosofia é interessante, por que explica muitas coisas e falamos muito

aprendi muito nestas aulas, por que estive atenta e interessei-me pela filosofia muito depressa

alguns colegas faltam ao respeito à professora

sobre as escolas "a tempo inteiro"

2016-01-14 16.50.04-1.jpg

 

o meu feed do facebook estava ao rubro com ESTA notícia. abordei o assuntoao de leve, no twitter.  

"isso, miúdos na escola das 8h/17h. mas com coisas giras p fazer. e ñ p estar sentados numa cadeira a ouvir a prof do Charlie Brown ..."

 

esse é o problema essencial, para mim. o tipo de escola que temos, as condições logísticas e acústicas que nelas encontramos. já trabalhei em escolas que eram casas e que foram adaptadas. há escolas onde não há um espaço livre para trabalhar com os alunos, uma sala para onde se possa ir e fazer actividades diferentes. noutras nem sequer há biblioteca. e o ginásio, o espaço para fazer educação física em segurança e com qualidade? nem se fala. há TANTO para fazer neste sentido, da  manutenção e da recuperação das próprias estruturas das escolas. 

 

(também há escolas públicas onde os crucifixos ainda se encontram na parede, por cima do quadro. mas isso são outros quinhentos, como diz o povo!)

 

depois surgiu este esclarecimento: 

"A tutela dirigida por Tiago Brandão Rodrigues esclarece que, “embora pareça que é uma coisa obrigatória, não é” e dá como exemplo as já existentes atividades de enriquecimento curricular (AEC), que os pais já fazem usufruto conforme a sua vontade.

“A única que é obrigatória é o horário efetivo da escola até às 15h30 e o horário letivo curricular, por assim dizer”, esclareceu fonte do ministério, indicando que a suposição em contrário “é uma redundância porque qualquer tipo de atividade extracurricular que a escola oferece é sempre uma opção”."

 

e começam as conversas em torno das AEC. e sobre o extracurricular e a necessidade da filosofia fazer parte do currículo. claro que a filosofia deveria fazer parte do currículo - a começar no jardim de infância - para mim, isto é muito claro. também é claro e importante que há necessidade de regulamentar tanta e muita coisa no que à filosofia para crianças diz respeito. ando há muitos anos a trabalhar nesse sentido, assim como outros amigos que trabalham nesta área, têm formação contínua, desenvolvem projectos e fazem investigação académica. todavia, enquanto esse dia não chega, opto por deixar sementes em todos os lugares onde as portas se abrem para acolher a filosofia. AEC, centros de estudo, ginásios, sociedades recreativas, livrarias: onde haja crianças e pais com vontade de descobrir os "trabalhos do pensar" que a filosofia pode promover junto de miúdos e graúdos - é aí que estarei, assim haja vontade e condições para o fazer.

 

nem sempre encontro as condições ideais para a prática, é certo. a verdade é que todos os dias faço o melhor que posso. neste caminho, tenho que lidar com situações como esta ou aquela. mas também com a mãe da J. que me diz: "sabe, eu pensei muito se devia deixar a minha filha frequentar as AEC, afinal já são muitas horas na escola... mas depois vejo que é a única forma deles terem actividades diferentes, o teatro ou a filosofia. e prefiro que ela fique e aproveite para conhecer outras coisas".

 

além disso, há isto. e outras coisas que me enchem o coração e das quais vos vou falando por aqui. 

 

 

 

Pág. 1/2

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

@ creative mornings lx

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D